Conta MEI do Banco do Brasil é boa? Veja as taxas e como abrir!

Contas MEI

Saiba o que é a conta MEI do Banco do Brasil, como funciona, como abrir essa conta e quais são suas taxas. Veja também os principais recursos da Conta do Banco do Brasil MEI!

Escrito por: Vitor Braga - atualizado em: 21/05/2024
  • Banco do Brasil PJ

    Banco do Brasil PJ Solicitar

    Mensalidade a partir de R$62,50

     Tarifas para saques e outro serviços

    Possui cartão gratuito e maquininha da Cielo

A conta MEI do Banco do Brasil é uma das principais alternativas para microempreendedores que buscam um serviço mais tradicional.

Proposto por uma instituição com credibilidade, o recurso é voltado exclusivamente para empresas individuais, com vantagens que atendem suas necessidades.

Além disso, também trabalha com tarifas especiais, anuidades no cartão de crédito e linhas de crédito especiais para ampliação das atividades.

No entanto, antes de optar por essa modalidade, vale a pena conhecer mais sobre ela, e as características do serviço.

Para te ajudar, reunimos essas e outras informações em um conteúdo especial sobre a conta MEI do Banco do Brasil, com tudo que precisa saber antes de realizar seu cadastro. Confira!

O que é a conta MEI do Banco do Brasil?

CaracterísticasConta MEI Banco do Brasil
MensalidadeR$62,50
TarifasSaque: a partir de R$3,00;
TED e DOC: a partir de R$23,90
Principais diferenciaisCartão de crédito e maquininha Cielo
Avaliação no Reclame AquiBom
Conta MEI do Banco d Brasil

A conta MEI do Banco do Brasil é um serviço financeiro que integra o programa de serviços para pessoas jurídicas da instituição. Essa é uma solução financeira especialmente projetada para atender às necessidades desse grupo empreendedor. 

Com funcionalidades exclusivas e vantagens significativas, esse formato de conta visa simplificar e facilitar as rotinas financeiras de micro e pequenos negócios, além de auxiliar profissionais independentes com registros.

Por meio do modelo MEI do Banco do Brasil, é possível ter acesso a um pacote completo de serviços bancários essenciais para gerir o negócio com maior eficiência.

Entre os diferenciais, se destaca controle de recebimentos e pagamentos, emissão de boletos, transferências e a possibilidade de realizar transações bancárias por meio de canais digitais, como internet banking.

Ainda, permite ao titular separar suas finanças pessoais, contribuindo para a organização e profissionalização da microempresa.

Leia também: As melhores contas MEI: veja os principais bancos!

Como funciona a conta MEI do Banco do Brasil?

A conta MEI do Banco do Brasil funciona de maneira semelhante a outros serviços de conta-corrente da instituição.

O microempreendedor não precisa ter registro anterior para enviar sua proposta como pessoa jurídica. Após anexar seus dados, terá seu perfil avaliado e, com a aprovação, poderá começar a utilizar os recursos da plataforma.

O processo de cadastro é simples, realizado pela internet, além de contar com suporte especializado por parte do banco.

Uma vez que o titular registra seu CNPJ MEI, poderá aproveitar benefícios bancários, de gestão e organização financeira.

Ainda, poderá pagar taxas distintas na utilização dos serviços, como incentivo para autônomos e novas empresas.

No entanto, vale reforçar que o funcionamento da conta MEI do Banco do Brasil pode restringir o acesso a outros benefícios destinados para pessoas físicas ou jurídicas em outra modalidade.

Qual a diferença da conta MEI e PJ do Banco do Brasil?

A diferença entre a conta MEI e PJ do Banco do Brasil está, principalmente, na sua abrangência e nas características específicas voltadas para cada perfil de empreendedor.

Isso porque a modalidade MEI faz parte do programa para pessoas jurídicas, sendo também considerada uma conta PJ. No entanto, possui exclusividade direcionada aos microempreendedores.

Dessa forma, autoriza o registro apenas de profissionais registrados com alguns critérios, como possuir um faturamento anual limitado e seguir uma forma simplificada de tributação.

Enquanto isso, outros tipos de conta PJ do Banco do Brasil também se destinam para um público mais amplo de pessoas jurídicas, englobando não apenas os MEIs, mas também empresas de diferentes portes e segmentos. 

Dessa forma, atende a uma variedade maior de necessidades, oferecendo um leque mais abrangente de produtos e serviços.

Além disso, uma das principais diferenças entre a conta MEI e PJ do Banco do Brasil são as taxas e tarifas. 

Geralmente, recursos para microempreendedores possuem condições mais favoráveis em relação a tarifas bancárias, visto que são uma categoria com características e necessidades específicas.

Quanto às linhas de crédito, embora ambas as contas ofereçam possibilidades de acesso a financiamentos e empréstimos, a conta PJ tradicional pode ter opções mais amplas e flexíveis. 

Isso ocorre porque as empresas que se enquadram nessa categoria conseguem apresentar uma maior variedade de garantias e comprovações financeiras, facilitando a obtenção de crédito para investimentos e expansão dos negócios.

Quais são as vantagens da conta digital MEI do Banco do Brasil?

A conta MEI do Banco do Brasil oferece diversas vantagens específicas para os correntistas que se registram na modalidade.

Nesse caso, para avaliar corretamente a alternativa, é importante conferir também os pontos positivos que acompanham esse serviço. Veja mais detalhes:

Maquininha de cartão

Uma das vantagens da conta MEI do Banco do Brasil é a possibilidade de adquirir uma maquininha de cartão de crédito e débito

Essa ferramenta permite ao microempreendedor aceitar pagamentos de forma prática e segura, expandindo suas opções de recebimento. 

Além disso, também aproveita tarifas especiais dos aparelhos BB, por conta da parceria com a Cielo, que disponibiliza tecnologias especiais para o usuário.

Com a maquininha, o MEI pode oferecer mais conveniência aos seus clientes e aumentar suas oportunidades de negócio.

Leia também: Maquininha Cielo: veja as taxas, os modelos e se ela é boa!

Cartão de crédito Empreendedor Internacional Visa

Ainda, a conta MEI do Banco do Brasil também oferece a opção de obter um cartão de crédito Empreendedor Internacional Visa. 

Esse produto permite ao microempreendedor realizar compras dentro e fora do país, ampliando as possibilidades de aquisição de produtos e serviços para o seu negócio. 

Além disso, o Empreendedor Internacional Visa disponibiliza vantagens específicas para o profissional, facilitando suas transações financeiras e descontos em redes de estabelecimento parceiras.

Microcrédito

Outra vantagem da conta MEI do Banco do Brasil é a possibilidade de acesso ao microcrédito, com linhas exclusivas para os profissionais.

Essa modalidade é uma linha de empréstimos destinada aos microempreendedores individuais, que permite obter recursos financeiros para investir em seu negócio. 

Essa modalidade é especialmente adequada para quem está começando um negócio independente e visa expandir suas atividades, adquirir equipamentos ou investir em marketing, por exemplo.

Com o microcrédito, é possível ter o impulso financeiro necessário para o crescimento e desenvolvimento do empreendimento.

Quais são as tarifas da conta MEI do Banco do Brasil?

A conta MEI do Banco do Brasil acompanha algumas tarifas padrão das atividades de pessoa jurídica. Porém, ela busca ser mais acessível para os profissionais independentes que estão começando.

Nesse caso, também vale a pena conferir algumas dessas cobranças e onde elas operam. Veja abaixo:

TaxasValor
Abertura da contaGratuita
Manutenção da contaR$62,50
Anuidade do cartão de crédito Empreendedor Internacional VisaGratuita
SaquesR$3,60 no guichê;
R$3,00 no autoatendimento;
R$3,00 no Banco 24Horas.
Uso do cheque avulsoR$3,60 por unidade
DOC/TEDR$23,90
PIX0,99%, com mínimo de R$1,00 e máximo de R$10,00
Operações de Crédito – Microcrédito Produtivo Orientado (MPO)3%
Tarifas da Conta MEI do Banco do Brasil

Vale reforçar que as taxas da conta MEI do Banco do Brasil seguem a política comercial da instituição.

Dessa forma, pode apresentar mudanças em seus valores, e vale a pena conferir quais os custos atuais antes de seguir com alguma operação.

Como abrir uma conta MEI do Banco do Brasil?

Para interessados na conta MEI do Banco do Brasil, vale a pena conferir o passo a passo para abrir o seu cadastro na instituição. Veja quais as principais etapas:

1. Baixe o aplicativo ou vá a uma agência

Um dos diferenciais dessa modalidade é permitir a abertura de cadastro pelo aplicativo, disponível para Android e iOS.

Ao contrário de outros formatos de conta PJ, o recurso MEI pode ser solicitado por completo nas plataformas digitais, agilizando a operação.

Isso evita que o empreendedor precise ir até uma agência bancária ou posto de atendimento, embora seja possível, se o profissional desejar.

Nesse caso, o primeiro passo é realizar o download da plataforma ou se dirigir até uma unidade certificada do Banco do Brasil.

Dessa forma, o microempreendedor receberá todas as orientações para abrir sua conta e enviar os documentos necessários.

Veja também: Conta MEI Inter é boa? Veja as taxas, vantagens e como abrir!

2. Informe seus dados 

Em seguida, ambos os canais solicitarão os dados pessoais e profissionais do microempreendedor individual, sendo importante anexar cada informação de maneira transparente.

Isso porque o MEI exige a abertura de um CNPJ específico, associado ao CPF do titular individual da empresa.

Dessa forma, é necessário anexar os comprovantes para a instituição poder avaliar o perfil e identificar a relação entre o responsável e a pessoa jurídica.

Vale reforçar que apenas o microempreendedor consegue abrir seu cadastro na conta MEI do Banco do Brasil e não pode ter um representante ou procurador.

Na plataforma digital, informe os dados seguindo as orientações na tela. Enquanto isso, presencialmente, basta enviar ou apresentar todos os documentos para o gerente ou atendente.

É importante ter em mente que o Banco do Brasil aceita apenas empresas com mais de 180 dias de constituição.

Em outras palavras, micronegócios com menos de seis meses de existência não conseguem abrir seu registro no banco.

3. Finalize o processo

Após informar os dados, o restante do processo da conta MEI do Banco do Brasil é simples, permitindo que o usuário finalize quanto antes.

Digitalmente, siga as instruções do aplicativo, inclusive com anexo de fotos e selfie segurando documentos. Essa etapa garante a segurança da operação, além de confirmar que se trata do titular da empresa.

Ainda, confirme seus dados de contato, como telefone e e-mail, para a instituição poder enviar mensagens pelos canais.

Presencialmente, o gerente cuidará de finalizar o processo, preenchendo o formulário no banco da corporação e orientando sobre as próximas etapas.

Mesmo que a abertura da conta seja presencial, o profissional precisará do aplicativo para realizar transações diárias. Por isso, vale a pena baixar o programa no smartphone.

Contudo, de modo geral, trata-se de um processo simples de realizar, e, com aprovação do perfil, o microempreendedor individual já poderá aproveitar benefícios como solicitar cartão, maquininha e microcréditos.

A conta MEI do Banco do Brasil é confiável, boa e vale a pena?

Com base nos critérios e credibilidade da instituição, é possível determinar que a conta MEI do Banco do Brasil é confiável, e vale a pena conhecê-la.

Essa alternativa pertence a um dos bancos mais tradicionais do Brasil, com serviços voltados exclusivamente para grupos iniciantes no segmento corporativo.

Além disso, trabalha com tarifas especializadas, menos anuidades e burocracias para empresas independentes que desejam ter um serviço financeiro profissional.

Por conta da praticidade e benefícios que acompanham a categoria, é interessante considerar essa conta para o seu perfil.

No entanto, é indicado se atentar para alguns elementos, como número de dias mínimos antes de abrir um registro em nome do CNPJ.

Ainda, podem existir restrições de crédito e outras ferramentas que estão no programa PJ, mas não disponíveis para MEI.

Nesse caso, se deseja algum recurso específico, deve se atentar para a oferta. Por outro lado, se procura uma conta digital para começar suas atividades e gestão, o Banco do Brasil pode ser uma alternativa interessante.

Procure avaliar os serviços e conferir o procedimento de cadastro antes de tomar uma decisão, para garantir uma escolha acertada.

Por fim, confira mais alguns de nossos outros post sobre contas:

Perguntas Frequentes (FAQ)

  1. Quanto custa ter uma conta MEI no Banco do Brasil?

    Uma conta MEI no Banco do Brasil possui abertura gratuita, mas custa a partir de R$62,50 para manutenção e tem anuidade gratuita no cartão de crédito. Outras taxas são correspondentes a saques e transferências.

  2. Como funciona a conta MEI do Banco do Brasil?

    Após o profissional abrir sua conta com o CNPJ MEI e ser aprovado, poderá aproveitar os recursos como uma conta-corrente convencional, porém com vantagens para empreendedores, como tarifas mais acessíveis, cartão de crédito e maquininha.

  3. Quais as vantagens de abrir conta MEI no Banco do Brasil?

    Abrir uma conta MEI no Banco do Brasil traz diversas vantagens para o profissional, como acesso a serviços diferenciados, solicitação de microcrédito e maquininha de cartão, além de valores reduzidos na manutenção da conta.

  4. Qual o melhor banco para PJ MEI?

    O melhor banco para PJ MEI varia conforme as necessidades do profissional, mas o Banco do Brasil é uma das alternativas convencionais mais recomendadas.

Conteúdos Relacionados