Veja como a plataforma e-Cobrança pode te ajudar na emissão de boletos no dia a dia

Caixa Econômica

Quer oferecer outra alternativa de pagamento para os clientes da sua empresa? Então, conheça a plataforma e-Cobrança da Caixa e entenda como emitir boletos com mais segurança e eficiência.

Escrito por: Tathiane Mantovani - atualizado em: 22/05/2024

Você sabe o que é o e-Cobrança? Antes de responder essa pergunta, é essencial entender que para pequenos, médios e grandes empreendedores a eficiência na gestão de recebimentos é crucial para a saúde financeira e a organização da empresa. 

Nesse contexto, surge essa plataforma, uma solução que promete ajudar na forma como as cobranças são administradas. Assim, é possível diversificar as formas de pagamento do seu empreendimento e oferecer uma alternativa para os clientes que preferem pagar com boleto.

Se quer entender como funciona esse sistema, quais são as vantagens e as desvantagens de utilizá-lo e se vale a pena aderir a ele, continue a leitura e confira as informações que separamos para você.

O que é o e-Cobrança?

O e-Cobrança é um sistema de gestão online de cobranças por boletos, desenvolvido pela Caixa Econômica Federal. Destinado a empreendedores de qualquer segmento ou tamanho, essa plataforma permite a emissão, o acompanhamento e a gestão eficaz de boletos bancários.

Além disso, ele é intuitivo e de fácil acesso, pois oferece uma série de funcionalidades que simplificam a vida do empresário, com a criação de boletos e até com o controle detalhado dos pagamentos recebidos.

Assim como ajuda na cobrança dos inadimplentes. Dessa forma, é possível oferecer uma outra opção de pagamento aos clientes e, consequentemente, manter um fluxo de caixa mais saudável para investir na manutenção e crescimento do negócio.

Como funciona essa plataforma?

O e-Cobrança é um sistema simples e funcional, criado pela Caixa Econômica Federal, para gerenciar cobranças via boletos de forma eficiente e remota. Através de uma interface eletrônica, empresários de todos os portes podem acessar serviços e dados de cobrança bancária diretamente do ambiente computacional da instituição financeira.

O acesso ao sistema pode ser feito por meio de computadores, tablets ou smartphones, permitindo o gerenciamento do departamento financeiro a qualquer hora e lugar. O usuário cadastrado na plataforma tem a capacidade de visualizar informações detalhadas sobre pagamentos recebidos, atrasados e a receber, a partir de 60 dias da data informada. 

Vale destacar também que, ao emitir o boleto por essa ferramenta, ele é registrado na base de dados e pode ser acessado por todas as instituições financeiras. Assim, o cliente consegue pagá-lo em qualquer banco tradicional ou digital.

Além disso, para usar o e-Cobrança no computador ou notebook, é necessário ter instalado Windows 95, 98, ME, XP, NT ou superior, bem como utilizar o navegador Internet Explorer 5.5 ou superior. Já no tablet e smartphone, basta ter uma versão mais atualizada do sistema operacional.

Lembrando que é possível acessar essa ferramenta também pelo Internet Banking da Caixa e em breve será lançado um aplicativo para Android e iOS. Em resumo, com a visão global e instantânea das finanças da empresa que esse sistema oferece, é possível fazer o planejamento e tomar decisões, especialmente as relacionadas à expansão do negócio.

Quem pode utilizar o e-Cobrança?

O sistema e-Cobrança é uma solução abrangente que atende a uma ampla gama de usuários, como pequenos empresários e até grandes corporações. É ideal para negócios que requerem a emissão regular de boletos, como escolas, condomínios, clínicas de saúde e empresas de serviços. 

Ele também pode ser uma opção para empresas que vendem para outras empresas, bem como para vendedores, autônomos, MEI e prestadores de serviços que lidam com clientes que preferem ou necessitam de pagamentos via boleto, oferecendo uma alternativa segura e eficiente ao uso de cartões de crédito.

Vale destacar que esse sistema pode ser usado tanto por pessoas físicas quanto jurídicas e não é necessário abrir uma conta na Caixa para isso. Portanto, é uma ferramenta bastante democrática quanto a quem pode utilizá-la.

Essa plataforma tem custo?

Não existe informação quanto ao preço para se cadastrar no e-Cobrança Caixa, mas é necessário pagar pelas movimentações realizadas dentro da plataforma, ou seja, você paga pelo registro do boleto, protesto de títulos, baixa do boleto, alterações no título, entre outros.

A instituição financeira que administra esse sistema não informa o valor dessas taxas no site oficial. Portanto, para saber os preços das tarifas, deve-se fazer o cadastro ou entrar em contato com o gerente da sua conta, caso tenha uma aberta na Caixa.

Lembre-se de que é importante analisar esses custos antes de decidir usar a plataforma, bem como deve compará-los com outros serviços similares oferecidos no mercado. Assim, poderá escolher a melhor opção para a sua empresa.


Leia também nosso artigo Como gerar boleto no Mercado Pago: 2 guias completos!


Quais as vantagens do e-Cobrança?

O sistema e-Cobrança, oferecido pela Caixa Econômica Federal, apresenta uma série de benefícios para pequenos e médios empreendedores. Algumas das principais vantagens podem ser vistas abaixo.

  • Facilidade de pagamento: os boletos emitidos podem ser pagos em qualquer instituição financeira ou postos autorizados, mesmo após o vencimento. Isso proporciona maior comodidade tanto para o emissor quanto para o pagador;
  • Segurança aprimorada: a plataforma conecta-se à Câmara Interbancária de Pagamentos, parte do Sistema de Pagamentos Brasileiro e fiscalizada pelo Banco Central do Brasil. Além disso, a Caixa utiliza certificação e protocolo SSL para garantir a segurança dos dados;
  • Redução de custos com papel: uma vez que os boletos são disponibilizados eletronicamente, há uma redução significativa no uso de papel, contribuindo para a economia da empresa e para a sustentabilidade;
  • Gerenciamento online: o e-Cobrança Caixa permite a gestão virtual dos boletos e acompanhamento da carteira de títulos de cobrança, facilitando o controle financeiro do negócio;
  • Protesto de boleto inadimplente: a plataforma permite apresentar instruções de protesto aos pagadores de boletos em atraso, o que pode ajudar a reduzir a inadimplência.

Essas vantagens fazem do e-Cobrança uma ferramenta robusta e versátil para a gestão de cobranças, trazendo eficiência e segurança para as operações financeiras de qualquer tipo de negócio.

E as desvantagens?

Embora o e-Cobrança ofereça várias vantagens, como vimos anteriormente, também existem algumas desvantagens que devem ser consideradas pelos empreendedores. Veja abaixo algumas delas.

  • Custos associados: como discutido anteriormente, há diversas taxas associadas ao uso do serviço, que podem se acumular dependendo da quantidade de boletos emitidos e gerenciados;
  • Limitações tecnológicas: em alguns casos, as limitações tecnológicas podem ser um impedimento, especialmente para empresas que preferem soluções mais integradas com outros sistemas de gestão empresarial;
  • Dependência de horário bancário: o acesso ao sistema e-Cobrança Caixa está sujeito aos horários bancários, que são de segunda a sexta-feira, das 7h às 20h. Isso pode ser um limitador para operações que necessitam de processamento fora desses períodos;
  • Complexidade de uso: para alguns usuários, a plataforma pode parecer complexa, especialmente para aqueles que não estão acostumados com sistemas bancários online. Isso pode demandar um tempo de adaptação ou a necessidade de treinamento para a equipe;
  • Limitações de personalização: o sistema pode ter limitações quanto à personalização dos boletos e das opções de cobrança, o que pode ser um ponto negativo para empresas que buscam mais flexibilidade neste aspecto.

Como usar o e-Cobrança Caixa?

Para utilizar o e-Cobrança da Caixa Econômica Federal, os empreendedores devem seguir alguns passos essenciais. O primeiro é comparecer em uma agência da instituição para fazer o cadastro de pessoa física ou jurídica e conseguir a liberação do serviço.

Depois disso, deve-se acessar a plataforma por meio do site oficial ou do Internet Banking da Caixa e, em seguida, efetuar o login com o usuário e a senha liberados no cadastro. O próximo passo é conhecer e usar as funcionalidades do sistema.

Por exemplo, dentro da plataforma, os usuários podem emitir boletos, preenchendo as informações necessárias para cada título. Isso inclui dados do pagador, valor, data de vencimento, entre outros.

Também é possível acompanhar o status de cada boleto emitido, inclusive os pagamentos recebidos, pendentes ou atrasados. Tudo isso por meio de relatórios sobre as cobranças, o que facilita a análise e o planejamento financeiro do negócio.

Vale destacar ainda que você pode fazer alterações em boletos já emitidos ou dar baixa em títulos, de acordo com as necessidades do empreendimento. E em caso de dúvidas ou dificuldades, os usuários podem contar com o suporte da Caixa pelo número 0800 726 0104.

Afinal, vale a pena usar o e-Cobrança?

A decisão de adotar o e-Cobrança como uma ferramenta de gestão de cobranças depende de vários fatores específicos de cada negócio. Abaixo separamos alguns pontos a considerar.

  • Custo-benefício: avalie as taxas associadas à plataforma em comparação com os benefícios que ela traz. Para negócios que emitem um grande volume de boletos regularmente, a eficiência e a organização proporcionadas podem justificar os custos;
  • Facilidade de uso: considere a facilidade de integração do e-Cobrança com os processos existentes do seu negócio. Se a plataforma simplifica significativamente a emissão e o gerenciamento de boletos, isso pode ser um grande ponto a favor;
  • Segurança e conformidade: a segurança é uma preocupação central para transações financeiras. O sistema da Caixa, sendo um serviço oferecido por uma instituição bancária renomada, oferece segurança e conformidade com as normativas financeiras, o que é um aspecto positivo;
  • Adequação às necessidades do negócio: considere se as funcionalidades oferecidas pela plataforma atendem às necessidades específicas do seu negócio. Por exemplo, para empresas que precisam de um alto grau de personalização nos boletos, é importante verificar se ela pode atender a essa demanda;
  • Comparação com outras opções: vale a pena comparar o e-Cobrança Caixa com outras soluções disponíveis no mercado, tanto de bancos tradicionais quanto de fintechs, para garantir que você escolha a opção mais adequada para o seu negócio.

Em resumo, essa ferramenta pode ser uma boa opção para muitos empreendedores, mas é essencial fazer uma avaliação detalhada das necessidades específicas do seu negócio e comparar com outras opções disponíveis no mercado.

Existem outras alternativas de recebimento no mercado?

Sim, existem várias alternativas ao e-Cobrança disponíveis no mercado, cada uma com suas próprias características e vantagens. Essas opções variam, incluindo sistemas bancários tradicionais e soluções inovadoras oferecidas por fintechs. 

Veja abaixo algumas alternativas comuns.

  • Sistemas de cobrança de outros bancos: muitos bancos tradicionais oferecem seus próprios sistemas de gestão de cobranças, similares ao e-Cobrança. Eles podem variar em termos de taxas, funcionalidades e facilidade de uso;
  • Plataformas de pagamento online: existem várias plataformas de pagamento online que oferecem serviços de emissão de boletos, como PagSeguro, Mercado Pago e PayPal. Essas plataformas são conhecidas pela facilidade de uso e integração com outros sistemas de e-commerce;
  • Fintechs e startups financeiras: uma série de fintechs oferece soluções inovadoras para emissão e gestão de boletos, muitas vezes com taxas mais competitivas e recursos adicionais, como integração com sistemas de contabilidade e CRM;
  • Soluções de pagamento integradas: algumas empresas oferecem soluções integradas que combinam a emissão de boletos com outros serviços financeiros, como gestão de fluxo de caixa, pagamentos de fornecedores e gestão de recebíveis;
  • Sistemas ERP com módulos de cobrança: alguns softwares de planejamento de recursos empresariais (ERP) incluem módulos de cobrança que podem ser personalizados para atender às necessidades específicas de cada negócio.

Cada uma dessas alternativas tem seus próprios prós e contras, e a escolha ideal dependerá das necessidades específicas do negócio, do volume de transações, da preferência por certas funcionalidades e da análise das taxas e custos.

Em suma, o e-Cobrança é uma ferramenta simples e funcional que ajuda na gestão de cobranças via boleto, oferecendo uma série de funções que podem ser úteis para pessoas físicas e jurídicas que precisam desse serviço.

Contudo, é essencial avaliar as necessidades específicas do seu negócio, os custos envolvidos e as alternativas disponíveis no mercado para fazer a escolha mais adequada.

Esperamos que este artigo tenha fornecido informações úteis e insights para ajudá-lo a entender melhor essa plataforma e a decidir se ela atende às necessidades do seu empreendimento.

Porém, se você também quer conhecer outras formas de pagamento para implantar no seu negócio, que tal ler nossos artigos sobre maquininhas de cartão? Veja abaixo os conteúdos que separamos:

Perguntas frequentes (FAQ)

  1. O que é o e-Cobrança?

    É uma plataforma de cobrança que permite emitir e gerenciar boletos de maneira totalmente online por meio de um computador, tablet ou smartphone.

  2. Como usar o e-Cobrança?

    Para usar esse sistema, basta fazer o cadastro na Caixa, acessar o site oficial, fazer o login e usar todas funcionalidades oferecidas.

  3. O e-Cobrança tem custo?

    A Caixa não informa se o e-Cobrança tem custo de cadastro, mas existem taxas e tarifas para usar suas funcionalidades. Para saber quais são, é necessário entrar em contato com a instituição financeira.

  4. Como emitir boleto pelo e-Cobrança?

    Para emitir o boleto, basta acessar a plataforma, fazer o login, localizar a opção no menu e preencher todas as informações solicitadas tanto da empresa quanto do cliente. Por fim, deve-se enviar o boleto pelo e-mail cadastrado.

Conteúdos Relacionados