Como montar uma loja de roupas: veja o guia com 10 dicas!

Negócios

Se você deseja saber como montar uma loja de roupas e realizar o sonho de ter o próprio empreendimento, vale a pena conhecer alguns dos passos iniciais. Leia e saiba mais!

Escrito por: Vitor Braga - atualizado em: 22/05/2024

Se você deseja saber como montar uma loja de roupas e realizar o sonho de ter o próprio empreendimento, vale a pena conhecer alguns dos passos iniciais.

Iniciar um novo empreendimento demanda uma série de burocracias e análises, além de planejamento e cuidados no dia a dia.

Nesse caso, investir sem conhecer as etapas principais pode comprometer as chances de sucesso e as atividades da sua loja.

Por esse motivo, é fundamental conferir algumas dicas para quem está começando no ramo, além de orientações sobre gastos e faturamento.

Para te ajudar, separamos algumas dicas de como montar uma loja de roupas para ter sucesso em seu futuro negócio.

Leia também: 7 ideias de negócio para começar com pouco dinheiro em 2024

Como montar uma loja de roupas: veja o passo a passo!

Empreendedores que desejam aprender como montar uma loja de roupas podem seguir um passo a passo completo que permite iniciar um negócio nesse ramo com mais confiança. Veja 10 etapas básicas abaixo:

1. Faça uma pesquisa de mercado

Antes de mais nada, é fundamental que o empreendedor em busca de como montar uma loja de roupas faça uma pesquisa de mercado, e entenda como o setor está se comportando. Dessa forma, terá uma base mais concreta para começar.

Afinal, muitos buscam lucratividade e expandir suas atividades com uma empresa. Isso só será possível em um cenário positivo e de crescimento. Embora o mercado de vestuário se mantenha aquecido, é fundamental ter esse entendimento prévio.

Além disso, existem diversos nichos disponíveis para começar a investir, e uma pesquisa de mercado ajudará a entender qual a categoria que a sua loja se enquadra, com diferentes roupas, modelos ou mesmo dinâmica de vendas.

2. Defina qual será seu público-alvo

Em seguida, o empreendedor deverá definir seu público-alvo para começar a montar a loja de roupas efetivamente. Isso porque existem diversos consumidores que podem ser atendidos por esse tipo de estabelecimento.

Não apenas quanto aos corpos e tipos de roupas, mas também estilos, procura e até mesmo padrão social, que influenciam na montagem da nova loja. Por exemplo, públicos-alvo mais jovens detém expectativas e hábitos diferentes de idosos ou adultos chefes de família.

Se deseja ter sucesso sabendo como montar uma loja de roupas, vale a pena se atentar para esses critérios durante a sua avaliação.

3. Escolha os tipos de roupas que serão vendidas

Assim como o mercado e os públicos são diversos, também é necessário determinar qual serão os tipos de roupas vendidos na sua loja. Isso dependerá das análises anteriores, pois deverão atender ao nicho que você escolheu.

No entanto, existem diversas alternativas de roupas, como infantis, aquelas voltadas para o público feminino ou mesmo predominantemente masculino. Além disso, existem novas vertentes se popularizando, como roupas fitness, formais ou fast-fashion.

Nesse caso, vale a pena se atentar para qual o tipo de vestuário que você deseja investir no seu empreendimento, com base no comportamento do mercado e no público-alvo que você determinou para a sua empresa.

Veja também: Produtos para revender direto da fábrica: veja os 15 melhores!

4. Escolha um ponto comercial

Após algumas etapas de análise, chegou o momento de escolher um ponto comercial para começar o processo de como montar uma loja de roupas, na prática. Isso é importante principalmente para quem tem o sonho de trabalhar com um ponto físico.

Avalie as oportunidades de venda na sua região, ou no local escolhido para atuar. Essa determinação também depende do seu público e tipo de roupa.

Por exemplo, alinhar moda esportiva próxima de centros de treinamento e academias é uma boa prática. Sendo assim, é essencial cumprir as análises antes de procurar o ponto comercial.

5. Estude seus concorrentes

Ao decidir onde começar a montar sua loja de roupas, é essencial estudar também os concorrentes. Afinal, para quem busca maior faturamento e mais chances de sucesso, é essencial estar atento para como os demais negócios se comportam.

Nesse caso, avalie duas frentes de concorrência. Inicialmente, procure se atentar para estabelecimentos fisicamente próximos do seu ponto comercial. Acompanhe as lojas, dinâmicas de venda e veja se isso será um problema para a sua atividade.

Além disso, também procure verificar os concorrentes diretos da sua marca e nicho, mesmo que não estejam fisicamente próximos. Dessa forma, você saberá como atrair os consumidores para o seu estabelecimento e consolidar a sua marca entre as preferências.

6. Regularize a documentação da sua loja de roupas

Uma das etapas mais importantes de como montar uma loja de roupas é a regularização dos documentos. É preciso que existam todos os alvarás e certificados necessários para autorizar as operações na sua empresa.

Para começar, emita um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), que autoriza a abertura de um estabelecimento comercial. Em seguida, veja quais os demais documentos para ter seu ponto de vendas, como alvarás da prefeitura e outras autorizações.

O comércio de roupas não exige algumas certificações de segurança, como ocorre com empresas de alimentos, por exemplo. No entanto, sem regularizar sua loja, pode ter problemas com a Receita Federal e com as fiscalizações.

7. Elabore o planejamento financeiro do seu negócio

Após seguir as etapas de como montar uma loja de roupas na prática, é hora de começar a rotina de administração. Para isso, procure elaborar o planejamento financeiro do seu negócio, um dos pilares para qualquer gestão.

Afinal, é essencial ter confiança na distribuição de recursos e entender quais serão as necessidades de manutenção financeira da empresa nos próximos meses. Para elaborar estratégias mais assertivas, é necessário ter um plano estruturado desde o início.

Nesse caso, algumas das recomendações incluem utilizar planilhas e sistemas de gestão apropriados, além de realizar a projeção dos gastos nos próximos ciclos, tendo uma noção mais sólida de como será a situação.

8. Defina qual será a decoração da sua loja

Os detalhes de como montar uma loja de roupas são igualmente importantes, pois ajudarão a atrair os consumidores e consolidar sua marca entre os concorrentes. Por isso, avalie qual será a decoração do seu estabelecimento.

Estude não apenas os aspectos físicos, como fachada, nome e elaboração da marca, mas também detalhes que fazem a diferença para o cliente. Por exemplo, inclusão de assentos e facilidades para o consumidor conhecer os produtos.

Além disso, é essencial ter provadores dinâmicos, confortáveis e práticos, para que a experiência do público seja positiva. Assim, procure desenvolver sua decoração de maneira ampla e pensando em todos os aspectos para o cliente.

9. Monte a equipe da sua loja

Com todos os detalhes físicos prontos, chegou o momento de montar a equipe da loja para te auxiliar nas atividades. É fundamental ter colaboradores comprometidos e treinados para todas as funções que envolvem um negócio de roupas.

Isso inclui vendedores que ofereçam um tratamento personalizado e humano para o público, além de auxiliar nas provas e dúvidas. Enquanto isso, também é interessante ter profissionais que auxiliem no estoque e na gestão financeira.

Com uma equipe completa, você poderá focar em outros elementos da empresa, para que a administração interna seja igualmente bem-sucedida.

10. Agora é hora de divulgar sua loja: faça seu marketing!

Finalmente, a última etapa básica de como montar uma loja de roupas é iniciar a divulgação com práticas de marketing nos diferentes canais, para que o público conheça a sua marca. Isso é especialmente importante para companhias que estão começando agora no mercado.

As principais plataformas de divulgação orgânica, atualmente, são as redes sociais. Mesmo empresas que possuem ponto comercial físico podem aproveitar as facilidades do marketing gratuito e de amplo alcance das redes.

Por isso, invista em planos de criação de conteúdo, com imagens e campanhas inusitadas para atrair os consumidores. Também aposte em estratégias em outros canais, para alcançar o maior número de pessoas possível e começar sua loja de maneira positiva.

Confira também: Nomes de lojas que chamam atenção: 131 ideias de sucesso!

Como montar uma loja virtual de roupas

Enquanto isso, muitas pessoas podem ter dúvidas sobre como montar uma loja de roupas online. Afinal, os comércios eletrônicos se popularizaram nos últimos anos, com grande adesão de públicos e alternativas.

Nesse caso, as etapas básicas não são muito diferentes da loja física, mas com algumas distinções que podem ser mais simples para o empreendedor iniciante.

Por exemplo, não é preciso ter um ponto comercial físico, afinal, o estabelecimento será digital. Mesmo que precise de um estoque para guardar os produtos e enviá-los, existem opções já prontas para quem está começando.

Dessa forma, não será preciso se preocupar com esse tipo de organização em um primeiro momento, além dos gastos com aluguel ou compra de pontos físicos.

Por outro lado, o empreendedor que deseja aprender como montar uma loja de roupas online deverá procurar uma plataforma de e-commerce para hospedar seu negócio digital.

E é fundamental avaliar as opções de plataformas antes de tomar uma decisão, pois elas também influenciarão no sucesso do seu negócio. Continue lendo e saiba mais!

É possível montar uma loja de roupas nas redes sociais?

Pessoas que procuram como montar uma loja de roupas online podem avaliar a possibilidade de vender pelas redes sociais.

Muitos começam em aplicativos ou sites como Instagram e Facebook, que, inclusive, contam com ferramentas voltadas para microempreendedores digitais.

Para quem está começando ou assumiu um negócio mais informal, é possível continuar com a loja de roupas por essas plataformas.

Elas acompanham campanhas de marketing mais práticas, com postagem de fotos e vídeos sobre os produtos, além de facilidade na negociação.

Além disso, com os links de pagamento oferecidos por diversas empresas, é possível cobrar e receber com cartão de crédito direto pela internet e nas redes.

No entanto, o empreendedor também pode enfrentar algumas restrições, especialmente se deseja expandir suas atividades.

Por exemplo, as plataformas de redes sociais não possuem capacidade para a inclusão de muitos itens no catálogo.

Além disso, não possuem sistema de carrinho, avaliação de frete e cadastro de login, algo que as lojas virtuais do e-commerce disponibilizam.

Dessa forma, existe essa possibilidade de atuar nas redes sociais em um primeiro momento, mas vale a pena considerar como montar uma loja de roupas online de fato, com plataformas especializadas para essa atuação.

Leia também: +100 ideias de nomes para loja virtual: saiba como escolher!

Por que montar uma loja de roupas: vale a pena?

Para quem tem o sonho de desenvolver o próprio negócio ou possui proximidade com o nicho, vale a pena considerar ter um empreendimento no ramo de vestuário.

Ao procurar como montar uma loja de roupas, é comum que o empreendedor tenha dúvidas se essa atividade vale a pena.

Principalmente com a variedade de alternativas, tipos de roupas e públicos, o que pode tornar o ramo mais competitivo.

No entanto, essa diversidade de opções é o que torna o segmento atrativo para muitos empreendedores. Afinal, sempre existem novidades no mercado e nichos especializados para explorar.

Mesmo que não sejam categorias abrangentes, existem públicos-alvo que consomem vestuários mais segmentados, tornando esse investimento atraente.

Além disso, muitas pessoas possuem experiência com esse tipo de vendas e deseja criar o próprio negócio para se formalizar.

É o caso, por exemplo, de pessoas que revendiam itens para uma marca ou tiveram contato informal com o ramo.

Nesse caso, vale a pena ler nosso post e aprender como montar uma loja de roupas, para saber quais etapas são necessárias no início da atuação.

Quanto custa para abrir uma loja de roupas pequena?

O custo para abrir uma loja de roupas pequenas pode variar conforme os critérios, mas costuma ter um investimento entre R$5 mil e R$30 mil.

Esse valor oscila segundo as decisões e contratações que os empreendedores efetuam na abertura da empresa.

Para entender melhor esses custos, conheça alguns dos critérios que impactam nessa conta:

Ponto físico ou e-commerce

A princípio, o gasto mais relevante em como montar uma loja de roupas é o local da empresa, que pode ser um ponto físico ou e-commerce.

Estabelecimentos tradicionais demandam um local para montar a empresa, expor o mostruário e trabalhar com a recepção dos clientes.

A maioria das pessoas procura locais para aluguel, e os valores variam conforme a região, a localização e o tamanho.

No entanto, alguns pontos podem chegar a R$10 mil de aluguel, como lojas mais consolidadas.

Existe a possibilidade de encontrar pontos acessíveis, com mensalidade entre R$2 mil a R$3 mil, dependendo da localidade e espaço.

Enquanto isso, e-commerce demanda a contratação de plataformas de vendas e seus plugins que permitem incluir produtos, por exemplo, ou trabalhar com uma gestão mais completa.

As assinaturas costumam ser mais baratas que aluguéis de pontos físicos, com pacotes que variam entre R$50 a R$300 por mês. Ainda, promoções podem baratear esse custo, reduzindo o valor necessário para começar.

Estoque

Enquanto isso, saber como montar uma loja de roupas também inclui pensar no estoque, que demanda um alto investimento inicial.

Isso porque é preciso ter os itens para disponibilizar nas lojas físicas e começar a atividade, mesmo que ainda não tenha faturamento.

Em outras palavras, muitos empreendimentos já começam com despesas, mas sem lucros para quitá-las. 

Por esse motivo, é necessário se atentar ao investimento para ter um estoque considerável no momento em que abrir as portas do estabelecimento.

Para e-commerce, essa necessidade pode ser menor, especialmente no caso de lojas que trabalham sob medida ou com encomendas.

Assim, pode ser possível iniciar os pedidos e, em seguida, gastar com a produção. No entanto, também exige compra de materiais e alguns elementos, mesmo que seja confecção artesanal.

Nesse caso, o estoque também se torna um critério de gasto que eleva o custo para abrir uma loja de roupas.

Equipe

Ainda, vale a pena mensurar os gastos da loja de roupas incluindo os valores com equipe de funcionários.

Mesmo lojas pequenas precisam desse tipo de auxílio, pois os colaboradores cuidam das vendas, do atendimento e também auxiliam na organização do estoque.

Sem uma equipe consolidada e treinada, o gestor pode ficar sobrecarregado durante as tarefas diárias, comprometendo a experiência do público ou a administração interna.

Ambos são pilares para um negócio de sucesso, e vale a pena aumentar o custo inicial de uma empresa, mesmo que pequena, para ter uma equipe que possa ajudar.

No e-commerce, apesar de ser menos popular a contratação de uma equipe, o dono do negócio precisa de profissionais para outras atividades, como gestão financeira, suporte do site e até mesmo organizador de estoque físico.

Por isso, para saber como montar uma loja de roupas pequena, é preciso considerar um certo investimento inicial.

Confira também: Que negócio abrir em uma cidade pequena: confira 30 exemplos!

Quanto ganha o dono de uma loja de roupas?

Um dono de loja de roupas também terá ganhos variáveis, que dependerão do seu faturamento, sucesso e alcance, mas o valores iniciais podem variar entre 20% a 30% do lucro.

Afinal, os valores conquistados mensalmente não se convertem em lucro, de fato, pois existem despesas e contas para pagar.

Por exemplo, em um faturamento mensal de R$25 mil, o dono da loja pode ter R$7.500 líquido.

Além disso, uma loja de roupas também é um ramo com mais chances de oscilação, pois existe sazonalidade e períodos de mais ou menos visitas do público.

Por esse motivo, o gestor deve estar atento à essas variações, e entender que seus ganhos só podem ser contabilizados após o pagamento de todas as despesas e débitos.

Isso inclui salário de colaboradores, contas de manutenção do ponto comercial físico e reposição de estoque.

Para e-commerce, os custos são, principalmente, com assinaturas de plataforma e prestadores de serviço terceirizados.

Além disso, é importante reforçar que nem sempre o negócio dará lucro nos primeiros meses, pois irá pagar o investimento inicial que acontece sem nenhum recebimento.

Assim, após alguns ciclos de vendas, o gestor pode ter uma margem de lucro variável, com média entre 20% e 30% para lojas pequenas e médias.

Como montar uma loja de roupas: conclusão

Aprender como montar uma loja de roupas é um procedimento simples e acessível para quem sonha em ter o próprio negócio.

Existem apenas algumas necessidades básicas para o empreendedor avaliar, especialmente considerando o seu nicho.

Com tantas variedades de opções, é importante ter uma avaliação mais completa na teoria, encontrando o segmento e o público ideal.

Além disso, também demanda encontrar um ponto comercial acessível, planejar o estoque e a equipe. Durante as atividades de venda, é fundamental se atentar para o marketing.

Embora cada negócio seja único, as etapas de como montar uma loja de roupas são padronizadas para a maioria das atuações.

Nesse caso, se você deseja ter o próprio empreendimento, é fundamental se atentar para esses passos e entender o que será necessário.

Ainda, para quem considera um e-commerce no ramo, existem etapas semelhantes, com diferenças quanto a atuação física ou digital, mas com atenção semelhante nas burocracias.

De modo geral, antes de realizar esse sonho, o empreendedor deve conhecer quais as etapas, seja na internet ou de maneira convencional.

Com isso, terá mais confiança no desenvolvimento da sua loja de roupas e poderá consolidar a marca com mais chances de sucesso.

Por fim, confira alguns dos nossos outros artigos aqui do iMaquininhas:

Perguntas Frequentes (FAQ)

  1. Quanto custa para abrir uma loja de roupas pequena?

    Os custos são variáveis, mas podem ficar na faixa de R$3 mil a R$30 mil, dependendo dos critérios.

  2. O que é necessário para abrir uma loja de roupas?

    Para abrir uma loja de roupas, é fundamental estudar o mercado, escolher o nicho e conhecer os concorrentes. Também demanda um ponto físico ou plataforma de e-commerce, estoque, contratação de equipe e emissão dos documentos da empresa.

  3. Quanto ganha o dono de uma loja de roupas?

    Um dono de loja de roupas ganha em lucros cerca de 20% a 30% do faturamento mensal, com variações.

  4. Como montar uma loja física do zero?

    Para montar uma loja física do zero, vale a pena estudar o nicho desejado, conhecer os concorrentes e investir em estoque. Também vale a pena estudar opções acessíveis com menor investimento, como vender online.

Conteúdos Relacionados